• Gov RJ

Text Size

16/05/18 - Financiamento para biotecnologia é firmado pelo Programa Inovacred

A AgeRio firmou crédito com a startup de biotecnologia Plankton Brazil por meio do Inovacred para viabilizar a produção e comercialização de uma espécie de alga utilizada como suplemento alimentar e humano, chamada spirulina. O recurso será empregado na instalação de unidade em Teresópolis, envolvendo obras, máquinas e equipamentos, matérias-primas, insumos e investimento em patente. A unidade será a primeira da Região Sudeste a produzir biomassa de spirulina, que será comercializada em cápsulas e em pasta, com tecnologia de produção 100% brasileira.

“O projeto possui um aspecto ambientalmente sustentável, tendo sido enquadrado pela Prefeitura de Teresópolis na categoria ‘licenciamento ambiental simplificado’, devido ao baixo risco de impactos ambientais. Além disso, a atividade captura gás carbônico do ar e a reaproveita a água durante os processos de cultivo”, explicam os sócios-administradores da empresa.

A Plankton Brazil foi fundada em 2015, na cidade do Rio de Janeiro, operando até então com pesquisa científica e prestação de serviços de desenvolvimento de equipamentos e materiais de auxílio em pesquisa científica de microalgas sob demanda. A empresa foi a única startup do Rio de Janeiro aprovada na primeira chamada do Edital SENAI/SESI de Inovação 2016, além de ser finalista na iniciativa “Startups Connected” realizada pela Câmara Brasil Alemanha

Spirulina

A produção comercial de microalgas em grande escala está consolidada em diversos países, como Estados Unidos, Austrália, Israel, China, Índia, França e Chile. No Brasil, há poucos registros de cultivos comerciais, e os existentes são de pequena escala.

A spirulina é uma das principais microalgas cultivadas comercialmente no mundo, sendo comercializada em mais de vinte países.