AgeRio supera volume de créditos concedidos em 2020 e reverte projeções de prejuízo

O último mês fechou com mais um importante resultado para a  AgeRio, que aprovou entre os meses de janeiro a agosto deste ano um volume de crédito superior a todo o ano de 2020. Até o momento, foram disponibilizados R$ 156,6 milhões em operações para 8.762 empresas e empreendedores. No ano passado, a Agência concedeu R$ 112 milhões em financiamentos para negócios de todos os portes. Supera RJ, Fungetur e AgeRio Investimentos lideram a lista das linhas de produtos com maior volume de contratações na Agência.

Sob a gestão do presidente André Vila Verde, primeiro funcionário de carreira a ocupar o cargo, assim como os demais diretores da AgeRio, a Agência já havia revertido no primeiro semestre deste ano o cenário projetado de prejuízo para 2021. Os seis meses iniciais do exercício encerraram com lucro de R$ 11 milhões.

André Vila Verde ressaltou que o engajamento do time da AgeRio é um dos principais motivos para os recentes resultados:

– O comprometimento da equipe desde que assumimos a Diretoria Executiva tem sido imprescindível. Como todos nós já trabalhávamos juntos e conhecíamos onde era necessário fazer ajustes, a sinergia e as mudanças promovidas têm sido cruciais para todas as metas serem não só alcançadas como também já superadas.

Os resultados obtidos pela AgeRio são ainda mais relevantes quando se observa a gestão das empresas no Estado do Rio. De acordo com dados da Serasa, em 2020, 1.621 estabelecimentos divulgaram suas demonstrações financeiras. O número representa 15% em comparação com o Estado de São Paulo, que possui 10.847 empresas que informaram os dados. Quando a referência é a base do país, ou seja, 27.191 estabelecimentos, os negócios fluminenses correspondem a 6% do total.

– Temos contornado uma dificuldade muito grande, que é a gestão das empresas. Isso é fundamental para concessão de crédito por meio de recursos públicos. O ano de 2021 segue tendência em virtude da pandemia e alcançar esse resultado dentro desse contexto é desafiador – ressaltou André Vila Verde.

O presidente da AgeRio destaca ainda que o diálogo constante com as secretarias, parcerias com órgãos e prefeituras fluminenses também tem ajudado na ampliação das ações e no fomento aos empreendedores e empresas de todo o Estado do Rio. Além disso, a dedicação do time da Agência nas linhas de crédito do Programa Supera RJ, uma das principais medidas de apoio aprovada pelo Governo do Estado para microempreendedores e micro e pequenas empresas na retomada da economia, mostra que a atual gestão da AgeRio está em sintonia com as ações prioritárias do Poder Executivo. Em poucos meses, mais de 6.800 mil contratos foram celebrados por meio do Supera RJ com valores superiores a R$ 82 milhões.

Já o presidente do Conselho de Administração da AgeRio, Vinicius Sarciá, reforçou que a sintonia com o Poder Executivo é crucial para o desenvolvimento econômico do Estado e a ampliação da Agência no interior:

– O trabalho que a atual gestão tem promovido em parceria com as prefeituras fluminenses é importante para fazer com que os recursos cheguem aos empreendedores que de fato precisam de crédito para ampliar os seus negócios. Além disso, muitos também usam o financiamento para se manter em funcionamento, pois ainda há efeitos da pandemia na economia como um todo.

A gente apoia. O Rio cresce!

Saiba mais sobre a AgeRio